Domingo, 27 de Junho de 2010

Ver Gladiadores Americanos na televisão é voltar a ter sete anos.

Voltar a sentir a imensa felicidade que era ficar doente, não poder ir às aulas, e passar o dia a ver este maravilhoso clássico que, metendo também gente em tanguinha fazendo provas parvas, dá uma lição de boa televisão a qualquer "Salve-se quem puder". É que uma coisa é ser parvo e boçal, como sucede nessa coisa do "soltem a parede", outra é ser parvo e sofisticado, como sempre sucedeu no espectacular Jogos Sem Fronteiras ou, num género mais exótico, nos Gladiadores Americanos. Há muita dignidade em escalar uma parede com uma monstruosa lutadora de wrestling a correr atrás de nós. Ou talvez não... Mas eu gosto. Já para não falar da enorme expectativa que causa a prova final - The Eliminator! Isto é muito melhor que assistir aos oitavos de final do Mundial.



escrito por Joan@ às 10:49
dizer coisas | partilhar

contacto
joanabm@gmail.com
monstro's book
o chefe recomenda...
já moles...
2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


acabados de fazer...

2012 - ainda posso submet...

Aniversários

balançar 2011

O medo é uma cena que me ...

"Férias são férias, aqui ...

O ano dos avós

Sobre o tradutor da TV7 D...

Tenho para mim que...

tags

todas as tags

subscrever feeds