Terça-feira, 25 de Maio de 2010

Às vezes pergunto-me se algum dia conseguirei ser como aquelas pessoas que andam de avião como quem anda de autocarro: a descontracção, a naturalidade, o tédio - conseguem inclusivamente dormir, ignorando o facto de estarmos a milhares de pés de altitude e em risco de vida!

Concluo que sim. Um dia hei-de apanhar um avião como quem apanha o 23 da Carris em Algés. Mas o pior é que ao fim de 5 minutos vou levantar-me e procurar o botão de "stop" para saír na paragem seguinte.


tags:

escrito por Joan@ às 11:50
partilhar

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




contacto
joanabm@gmail.com
monstro's book
o chefe recomenda...
já moles...
2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


acabados de fazer...

2012 - ainda posso submet...

Aniversários

balançar 2011

O medo é uma cena que me ...

"Férias são férias, aqui ...

O ano dos avós

Sobre o tradutor da TV7 D...

Tenho para mim que...

tags

todas as tags

subscrever feeds